:::: MENU ::::

Por cima dos óculos, jamais

Por Diego Nascimento

Se você utiliza óculos em seu dia a dia (em especial para leituras), saiba que esse acessório influencia sua comunicação facial e exige cuidados. Exagero? Talvez sim, talvez não. Motivo: demonstrarafeição e simpatia é fácil para certas pessoas, para outras, esse ato aparentemente simples exige “treinamento”. O que observo ao longo dos anos é que o tradicional “olhar por cima dos óculos” pode causar intimidação ao seu interlocutor. Ocorre de forma involuntária ou intencional, abrangendo profissionais dos mais diversos cargos e até mesmo em relações familiares. Se sua intenção é manter uma relação de bem estar em seu ciclo social, entenda que determinadas falas, atitudes e reações oferecem dois tipos de resultados: sucesso ou fracasso. Em meio a esse conjunto o nosso bom e velho amigo óculos pode surgir como um vilão nessa história, o que é confirmado pelos pesquisadores e escritores Alan e Bárbara Pease em Desvendando os Segredos da Linguagem Corporal: ”O ato de olhar por cima dos óculos é um erro potencialmente custoso, porque pode levar o interlocutor a responder com posturas negativas como braços cruzados, pernas cruzadas ou uma atitude desafiadora”.

Quer iniciar bem um diálogo? Existem várias regras básicas; uma delas é: “por cima dos óculos, jamais!”.

Invista em sua carreira. Faça da Comunicação uma companheira diária!

 


So, what do you think ?